Tudo o que você precisa saber sobre Termografia



Termografia infravermelha é uma tecnologia que utiliza dispositivos optoeletrônicos para detectar e medir a radiação e correlacioná-la com a temperatura da superfície de uma estrutura ou equipamento que está sendo inspecionado.

Integrada aos processos de manutenção preditivos, a análise termográfica tem como objetivo identificar as condições dos equipamentos à níveis de temperatura, buscando identificar a raiz de possíveis falhas, permitindo a adoção de práticas de correção seguras e eficazes, evitando quebras e paradas não planejadas.

Uma inspeção termográfica possibilita a realização de ajustes ou correções, antes de uma próxima parada programada. Existe um extenso campo de aplicação para a termografia. Ela pode ser aplicada em uma uma simples medição de temperatura, como também na localização de defeitos em instalações e redes elétricas. Também pode ser aplicada no controle de processos de fabricação, na detecção de perdas energéticas em edifícios, no estudo de dispositivos e equipamentos mecânicos, rede de vapor, fornos, reatores e processos em geral.

Dentre suas vantagens, a termografia permite a detecção precoce de falhas em equipamentos e processos industriais defeituosos, sob determinadas condições de funcionamento. A detecção precoce de uma falha proporciona a redução no tempo de indisponibilidade de um sistema, evitando-se a degradação de componentes e propiciando a redução dos custos de manutenção.



O uso da termografia apresenta um crescimento constante ao longo das últimas décadas. Ela tem se caracterizado como uma técnica que pode ser aplicada no monitoramento de estruturas, instalações elétricas, equipamentos e máquinas, deformação de materiais, quando esses estão sujeitos às mais variadas condições de carga, danos de corrosão e processos de soldagem.

A termografia é aplicada em diversas outras áreas, como: medicina, indústrias nucleares, de alimentos, plástico, madeira e papel. A termografia infravermelha vem se tornando uma técnica cada vez mais precisa, confiável e econômica, principalmente devido ao avanço tecnológico das câmeras infravermelhas. É uma ferramenta que permite o monitoramento, sem contato e não invasivo (intrusivo), da condição térmica de máquinas, equipamentos e processos.

Uma inspeção termográfica em instalações elétricas identificará problemas causados pelas relações corrente/resistência. Normalmente estes são provocados por conexões frouxas, corroídas, oxidadas ou por falhas do componente em si. Além disso, erros de projeto, falhas em montagens e até o excesso e/ou falta de manutenções preventivas podem provocar sobreaquecimento.

Contudo, atualmente a termografia é reconhecida como uma das principais técnicas e formas de analisar o funcionamento de uma instalação elétrica sem a necessidade de maiores mobilizações, tornando-se assim uma ferramenta acessível, com produtividade alta e maior economia quando se diz respeito a manutenção de sistemas elétricos.


Fonte: Tadeu Silva Santana





Gostou do assunto? Quer saber mais?

Acesse nosso site no youtube para conferir mais materiais:

Elétrica Academy - Eng. Pablo Guimarães



212 visualizações
  • Facebook - Círculo Branco
  • Google+ - Círculo Branco
  • YouTube - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle

CONTATO

(92) 9 8143-0084 (WhatsApp)

(92) 3016-7001

E-MAIL

SOMOS ASSOCIADOS

Engenheiro Pablo Guimarães - © 2020 - Todos os direitos reservados